Blog do Henrique Fontes

Dedico esse espaço a relatos sobre minhas andanças cobrindo e produzindo concursos, outras paixões, como o futebol e o esporte em geral, ou quaisquer outros tópicos que me venham a cabeça. Espero que curta.

Minha foto
Nome:
Local: São Paulo, São Paulo, Brazil

1.11.06

Santa Cruz de la Sierra, Bolívia - cidade de contrastes

Esta foi a minha segunda viagem a Santa Cruz de la Sierra, Bolívia, e desta vez tive a oportunidade de conhecer um pouco mais deste importante centro urbano do país vizinho. É considerada a cidade mais rica do país, seua habitantes são rotulados de "elitistas" por bolivianos de outras regiões, mas ainda assim, não se vê em Santa Cruz muitos sinais de desenvolvimento. Parece uma cidade do interior do Brasil nos anos 70.

O tráfego é caótico, a pobreza é evidente em todos os lugares, as ruas são esburacas e as contruções antigas e mal conservadas. Em alguns pontos isolados encontramos prédios modernos, mansões, restaurantes finos e hotéis de luxo. O contraste é gritante.

Relativamente distante do centro da cidade encontra-se o "Aqualand", um parque aquático ultra moderno com praias artificiais, piscinas, tobogãs etc. Quem entra no tal parque esquece que está em Santa Cruz. Com o alto valor do ingresso, apenas aqueles com dinheiro acabam tendo acesso. Perto do Aqualand existe um outro parque aquático, muito mais simples, mal cuidado e com poucas atrações. É o parque aquático dos pobres...

A comida em Santa Cruz, apesar de gordurosa, é saborosa, como o "pollo picante", um frango cozido com uma camada de pimenta acompanhado de bananas fritas e "arroz con queso". Eles têm uma sobremesa muito gostosa também, a "natilla", uma espécie de pudim bastante doce. Outros pratos típicos são o arroz com pato, a "ropa vieja", carne de porco e frango fritos.

É uma cidade barata. Com US$1 você praticamente atravessa a cidade em um táxi. Um bom almoço pode custar US$1 ou US$ 2. Para quem gosta de fazer compras, especialmente´roupas de lã, tecidos coloridos e artesanatos locais (tudo muito bonito), Santa Cruz é o paraíso: os preços são muito baixos.

As pessoas são agradáveis e prestativas. É de fato uma cidade de contrastes que, apesar dos problemas, é cheia de vida e recebe muito bem os seus visitantes.

Outro ponto interessante é a paixão da população local pelos concursos de Miss! A imprensa, o público em geral, estão sempre seguindo as suas "reinas". O trabalho da Sra. Gloria Limpias na região é realmente muito bom.

Com a vitória da Francine minhas lembranças desta visita a Santa Cruz serão as melhores. E espero um dia poder conhecer outras regiões da Bolívia que ainda não conheço.

1 Comments:

Anonymous Anônimo said...

Oi Henrique, vc é de que parte do Brasil? pretendo ir p/ Santa Cruz em fevereiro, com o objetivo de estudar, mais precisamente na universidade ecologica, vc teve a oportunidade de conhece-la? se teve, me dê sua opinião!!!
Obrigada!

2:38 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home