Blog do Henrique Fontes

Dedico esse espaço a relatos sobre minhas andanças cobrindo e produzindo concursos, outras paixões, como o futebol e o esporte em geral, ou quaisquer outros tópicos que me venham a cabeça. Espero que curta.

Minha foto
Nome:
Local: São Paulo, São Paulo, Brazil

29.9.06

A hora do adeus: como se sente uma miss na hora da despedida?


Estáva sentado no hall do hotel de papo com duas lendas vivas do "mundo miss": Osmel Souza, o venezuelano que por tanto tempo ditou moda nos concursos internacionais e conquistou dezenas de títulos para o seu país, e Lupita Jones, mexicana vencedora do Miss Universo em 1991 que faz uma década envia candidatas do México ao Miss Mundo e ao Miss Universo.

Enquanto conversávamos passou por nós Unnur Birna, a Miss Mundo 2005. Falei com ela rapidamente e a linda islandesa seguiu seu caminho, com seus chinelinhos, sem faixa nem coroa, sem chamar muito a atenção dos seguidores de concursos, agora mais interessados em quem será a sua sucessora.

Perguntei a Lupita como ela havia se sentido nos últimos dias do seu reinado. Me comentou que foi realmente traumático. Ela se deu conta que deixaria de ser Miss Universo quando estava gravando seu speech de despedida, um dia antes da final do Miss Universo 92, na Tailândia. Caiu a ficha e ela começou a chorar como uma louca, precisou tomar um calmante.

No dia seguinte coroou Michelle McLean da Namíbia e percebeu que de uma vez ela deixara de ser o centro das atenções, a preferida dos fotógrafos e jornalistas. Na porta do teatro onde aconteceu o concurso um carro a esperava com um motorista. Logo atrás outro carro esperava Michelle. Choviam flashes sobre a nova Miss Universo, que ainda abanou para Lupita sorrindo para se despidir: "Bye Lupita, take care and good luck!".

Até a sua "chaperona" não estava mais com ela, e sim com a nova Miss Universo. Entrou no carro, voltou para o hotel e chorou mais.

Segundo Lupita muitas de suas Misses México entratam em depressão na hora da despedida. O mesmo confirmou Osmel, do cuidado que devemos ter com as misses que se despedem do título. Várias delas acabam seguindo carreiras como modelo ou atriz, outras simplesmente se formam, se casam, tê filhos. Ou seja, a vida segue. O problema é o momento em que o capítulo "miss" se encerra.

Rainha posta, rainha morta.

1 Comments:

Anonymous Vitor said...

Eu daria tudo pra estar no meio dessa conversa. Depois quero saber mais detalhes certo Henrique?
Toda sorte do mundo aí com a Jane!
abs.

11:46 AM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home