Blog do Henrique Fontes

Dedico esse espaço a relatos sobre minhas andanças cobrindo e produzindo concursos, outras paixões, como o futebol e o esporte em geral, ou quaisquer outros tópicos que me venham a cabeça. Espero que curta.

Minha foto
Nome:
Local: São Paulo, São Paulo, Brazil

26.9.06

Misses - A primeira impressão

Quase meia-noite, saguão do Polonia Palace Hotel. As candidatas ao título de Miss Mundo deveriam ter chegado da última rotina de ensaios do dia às 22 horas, mas foi somente sob as badaladas da meia-noite que aquela avalanche de cinderelas prestes a se tornarem abóboras voltou para "casa".

Se a maioria parecia estar saindo de um enterro, com o cansaço estampado no rosto e carregando os sapatos de salto alto, algumas poucas chegaram animadas e cheias de energia, como a nossa Jane (esta é o verdadeiro coelhinho da Energizer!). Me abraçou e perguntou quem eu queria conhecer. Respondi que "quem estivesse menos mal humorada", e la foi ela, puxar a Miss Índia pelo braço.

A Índia é um país que nos últimos 15 anos tem mandado algumas das mais belas e bem preparadas candidatas ao Miss Mundo, tendo inclusive vencido 4 vezes neste curto período de tempo. No entanto, esta é, ao meu ver, uma das mais lindas indianas de todos os tempos. Tem um parecido à atriz Rosario Dawson no papel da exótica esposa de Alexandre no filme "Alexandre, o Grande". Seus olhos grandes e largo sorriso dizem mais que suas palavras, e isso que a moça fala bem! Fascinante.

Também conversei com a Miss Austrália, Sabrina. Sósia da apresentadora Luciana Gimenez, a australiana filha de pai libanês e mãe indiana é outra grande favorita ao título, possuindo uma beleza única e muito porte e educação. É comunicativa, naturalmente simpática e muito carismática.

A Miss Líbano é outra que chama atenção pela beleza, porém é apagadinha de personalidade. Bom, tendo em vista o que o seu país vem sofrendo, não podemos culpá-la pela falta de entusiasmo.

Já Angola, que se chama Stiviandra em homenagem ao cantor Steve Wonder, confirma ser a mega favorita no continente africano. É interessante que ela não tem noção do seu favoritismo e também demonstrou tremenda falta de confiança. Foi bacana ver a Jane dando uma força para ela: "Viu como você é favorita?? Olha, mas se você ganhar e não quiser o título, eu quero viu?? Você pode me dar a coroa e a faixa!", dizia a nossa miss enquanto a angolana gargalhava.

Das latinas bati um papo rápido com a Miss Costa Rica, quem a princípio, confesso, não sabia se se tratava da Miss República Dominicana, El Salvador, Perú ou Costa Rica, todas muito semelhantes.

Enquanto conversava com as amigas da Jane, observava quem passava por trás. A Miss Romênia é uma mulher de uma sensualidade incrível. Altíssima, com pernas longas e bem torneadas, passos firmes. Seu rosto é mais bonito ao vivo que em fotos. A espanhola também é linda, com ares de top model. Gostei da Miss Martinica, uma verdadeira rainha de ébano pela beleza e classe. Leva no rosto aquele sorrisinho de quem diz: "Eu sei que eu posso!".

Conversei durante muito tempo com a simpática Anne, a mãe da Miss Irlanda do Norte, vencedora da prova de talento que com isso garantiu vaga na semifinal. Ela me dizia: "Eu tiro o chapéu para as chaperonas e membros da organização! Cuidar de 1 menina nesta idade já é um desafio para qualquer mãe, imagine cuidar de 104, durante um mês, falando línguas diferentes e competindo entre si! Dear Lord!".

A filha dela, por sinal, é uma graça. Uma loirinha estilo "girl-next-door" que não chega a parar o trânsito, mas chama a atenção pela beleza suave e aparente doçura.

E não posso deixar de comentar a nossa Jane, sempre elétrica, atenciosa com todos, visivelmente querida por muitos. Vamos ver até onde ela chegará. Confiança, beleza e carisma não lhe faltam. É esperar para ver...

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home