Blog do Henrique Fontes

Dedico esse espaço a relatos sobre minhas andanças cobrindo e produzindo concursos, outras paixões, como o futebol e o esporte em geral, ou quaisquer outros tópicos que me venham a cabeça. Espero que curta.

Minha foto
Nome:
Local: São Paulo, São Paulo, Brazil

25.9.08

Entrevistas Preliminares do Miss Global Beauty


Na tarde de ontem tivemos a oportunidade de conhecer as 62 candidatas do Miss Global Beauty, vê-las em trajes de banho e entrevistá-las. Após um desfile das 62 ao som de Bebel Gilberto, as candidatas entravam na sala do hotel em grupos de 8. Faziam um desfile individual, e então os jurados podiam fazer perguntas ("nada muito difícil", rogavam os organizadores do evento). Vamos aos destaques e pérolas da apresentação...

Entra o primeiro grupo, em ordem alfabética, de Addis Abeba até Bangkok. Perguntei à Miss Astana, representante da recém inaugurada capital do Cazaquistão, como era viver em uma cidade planejada recém inaugurada. Ela respondeu que é ótimo, "pois a cidade tem muitos lugares bonitos, muita cultura e muita história". História??

A Miss Amsterdã é uma loira imensa, de cabelo curto, interessante à distância, mas nem tanto quando vista de perto. Misses Bali e Bangkok participaram do Miss Tourism Queen e se classificaram. Honestamente não entendo como. A Miss Ashgabat diz adorar "pular e sorrir", e a Miss Addis Abeba falava tão baixo que parecia estar sussurrando.

Um destaque no grupo: Miss Almaty, a antiga capital do Cazaquistão. Muito bonita de corpo e rosto, bela postura, objetiva na resposta.

O segundo grupo entra, de Banja Luka, Bósnia & Herzegovina, até Cardiff, Gales.

A Miss Banja Luka tem belos olhos e desenhou o maiô que estava vestindo. Quando perguntada sobre o que há para ser visto na sua cidade, Miss Belfast (Irlanda do Norte), responde: "É muito bonita, tem muitas casas, muitas plantas... muita grama também".
"Muita grama" é de lascar.

Agora, ainda melhor foi a Miss Bucareste. Perguntaram o que ela achava da comida chinesa, e ela respondeu: "Hummm, adoooro!!! Gosto muito, hummmm!!!! Vou roubar comida chinesa pra levar pro meu país, hummmm!!!". Cada "hummm" ia me chocando mais, fez-se um silêncio na sala... Às vezes parece que elas estão tirando uma com a nossa cara, mesmo.

Miss Pequim é uma moça relativamente bonita, bom corpo, falou bem sobre os Jogos Olímpicos. Pena que acidentalmente eu olhei para os pés da moça: pareciam patas de dinossauro, algo muito, muito estranho.
Miss Cardiff entrou enrolada em uma canga. Segundo ela, entrar coberta fazia com que se sentisse mais segura. Mas vem cá: não é o mesmo que um jogador de futebol entrar em campo vestindo calça jeans?? Saiu na chuva, é para se molhar...
Terceiro grupo, Chang Chun à Hong Kong...

Destaque total nesse grupo para a Miss Chisinau, Moldova. Uma loira linda, com cabelo bem longo e liso, chegando quase na cintura. Nem mesmo dizer que sua heroína é a cantora "Lara Fabian, porque canta bem e a faz feliz", deve ter prejudicado a moça, sem sombra de dúvidas uma das favoritas.

A Miss Dublin também destacou-se, mas por total falta de beleza. Eu acho que os concursos deveriam ser mais criteriosos, conteúdo é importante em uma miss, mas beleza É FUNDAMENTAL. Ou pelo menos deveria ser. Agora, ela parece ser muito gente boa, candidata à Miss Simpatia.
A Miss Chang Chun (China) apresentou-se com um penteado bem peculiar. Muito mesmo. Bonita a Miss Hong Kong, tem aquela elegância-brega, toda arrumadinha, de rosa, parece saída de um desenho animado japonês, sabe?

Mais um grupo, de Jacarta à Melbourne...

Como eu vou explicar a Miss Jacarta?? Ela é tão diferente, tão exótica, seus traços faciais são tão fora de lugar, que a mulher é interessante e chama a atenção! É aquela beleza errada que acaba sendo charmosa. A famosa "beleza exótica"...

Impossível de passar em brancas nuvens nesse grupo é o busto da Miss Kyiv, Ucrânia. Sabrina Boing-Boing sentiria inveja, ainda mais com a moça alegando que seus fartos seios são naturais. Impressionante.
Dois destaques por beleza aqui: Kuala Lumpur, Malásia, uma bonequinha! As fotos não lhe fazem justiça, realmente linda. A outra é a Miss Lucani, Sérvia, vencedora do prêmio preliminar de melhor corpo. Realmente a moça tem uma figura que beira a perfeição, e disse nunca ter passado pelo bisturí. É boa forma à custa de muito exercício, o que eu acho louvável.

No outro extremo dos destaques, a Miss Londres fica devendo naquele quesito fundamental: beleza.
As 8 seguintes entram na sala, de Minsk a Oslo...

A dona da casa, Miss Ningbo, é a melhor candidata chinesa. Além de bonita, fala bem, destacou muito bem as qualidades da cidade sede do evento. A Miss Moscou tem um dos mais belos rostos por aqui. Perguntaram se ela concordava que as mulheres russas eram as mais linda do planeta, como havia sugerido uma recente pesquisa realizada nos Estados Unidos. "As russas são bonitas, as mulheres dos outros países também são bonitas", foi a resposta.
Muitas misses do leste europeu têm beleza de sobra, porém, falta a elas sal, tempero, pimenta. As reações parecem ser sempre as mesmas, vencendo o concurso, ou recebendo a notícia da morte de um parente querido.

A Miss Minsk também destacou-se pelo bonito corpo, agrada no conjunto e deve estar entre as 15 semifinalistas.
A Miss Mônaco destacou os aspectos únicos do seu principado, falou sobre Grace Kelly e o GP de Mônaco de Fórmula 1. É simpática.
O próximo grupo trouxe a nossa Nayara Lima, do Rio de Janeiro. De Paris a Pristina...

Nayara, apesar de não estar na sua melhor forma física, foi o destaque do grupo. Falou em um bom inglês sobre tudo de melhor que o Rio de Janeiro oferece aos seus visitantes, e sobre os esforços do governo para erradicar a violência, o que já tem surtido excelentes resultados. Deve ficar entre as 15 e depois lutar por uma ótima classificação. A torcida é grande!

Miss San José, respondeu muito bem à sua pergunta. É bonita, mas nada que chame muito a atenção. O mesmo vale para a portorriquenha, que tentou sensibilizar os jurados dizendo que seu sonho é ver os pais juntos novamente, ensaiando um chorinho...

A Miss Roma caiu no óbvio, falou sobre a sua paixão por pizza e pasta, enquanto a Pristina respondeu que se pudesse nascer novamente, seria atriz. (Pergunta: ela precisa renascer para ser atriz?? Não pode ser nessa vida, tipo...)

A Miss Paris cai naquela categoria de "tão exótica que acaba sendo interessante". Tem a boca grande, olhos expressivos, é muito elegante. Disse que um dos destaques da sua cidade é a sua vegetação (oi??).

Entra o penúltimo grupo, de Shenzhen a Tóquio...

Também perguntaram à Miss Estocolmo o que ela faria se nascesse novamente (talvez a resposta mais óbvia fosse xixi e cocô nas fraldas pelos primeiros meses), o que causou um nó na cabeça da moça. Ela abriu a boca, olhou para cima, e travou.
Próxima.
Falando em travar, perguntaram à bonita loira de Talin, Estônia, como ele descreveria em três palavras o segredo para estar sempre sorrindo e de bom humor. "Yessss.... one is be happy, yes???? Two is... smile, yes???? Three.... hummmm... (silêncio profundo, parecia sair fumacinha daquela cabecinha loura...) three.... hummmm.... yessss.... (olha para os dedos, conta 1, 2, 3 dedinhos... e exclama) ok! three is be happy, yesss????". Bom, essa foi a primeira resposta, mas é óbvio que ninguém contestou o fato. O que vale é esforço, sempre! Eu mesmo cheguei a suar acompanhando o desafio mental da moça.

Para salvar a reputação das loiras, ao seu lado estava a Miss Sydney: loira, linda e consideravelmente inteligente (atenção: após a respostas\ da Miss Tallin, até o meu QI pode ter baixado, prejudicando o meu julgamento sobre inteligência). É outra que pode vencer hoje à noite.
Outra pérola veio da candidata chinesa de Shenzen. Com um maiô que deve ter saído da baú da avó, ela respondeu a seguinte pergunta: "O que você diria aos organizadores para mudar no concurso no ano que vem?".

Resposta: "Se eu voltar, eu diria aos organizadores para trazerem candidatas mais feias. Se isso acontecer, poderei vencer". E viva a honestidade! Vovó deve estar duplamente orgulhosa...
Miss Cingapura teve que responder se escolheria ser somente bela, ou somente inteligente. "Bela, afinal de contas, a minha beleza (sei...) foi um presente de Deus (de deus grego!), por isso estou aqui".
Muito bem, hora de entrar o último grupo, de Toronto a Ierevan...

E se eu achava que já tinha visto de tudo, claro que não! A Miss Vilnius, Lituânia, era pele, osso e cabelo, algo assustador. Não resisti e perguntei: "Você se alimenta de ar, do sol, como é isso?". Tomei um chute do jurado ao lado, mas realmente não deu para segurar. As outras misses cairam na gargalhada (não era a inteção, mesmo porque a anorexia é um assunto muito sério), mas com bom humor a moça esquelética respondeu: "É que trabalho num circo e preciso voar".

Fiquei ainda mais intrigado: o que ela quis dizer com voar?? Não deu pra perguntar, me tiraram o microfone rapidamente.

A Miss Tirana entrou com uma reação alérgica nos olhos, levou uma picada de abelha. A Miss Vigo, Espanha, parecia saída de uma tela de Picasso, bem diferente e única.

O destaque nesse último grupo, além da magreza exagerada da Miss Vilnius, ficou com a bonita e eloquente Miss Toronto. Belo corpo, rosto bacana, muito inteligente. Fez um comentário pertinente sobre a aneroxia, agradecendo ao mundo da moda por não exigir mais tanta magreza das modelos.

Miss Yerevan, que foi semifinalista do Miss Tourism Queen 2007 representando a Armênia, foi perguntada sobre o que mudou na sua personalidade desde então, passado um ano desde a sua participação no outro concurso. "As pessoas mudam aqui e ali... Eu mudei uma coisinha aqui, outra ali... Mas não sei o que". E viva a objetividade!

Pronto. A sorte das 62 aspirantes ao título de Miss Global Beauty está lançada. Apenas 15 continuarão no jogo.

Acredito eu que o título esteja entre as Misses Chisinau, Kuala Lumpur, Sydney, Ningbo, Moscou, Toronto, Lucani, Almaty e Rio de Janeiro. Essas nove moças têm qualidades para chegar lá, sempre lembrando, é claro, que o gosto dos jurados chineses muitas vezes não bate com o ocidental. Será interessante ver a combinação de ambos.

Correm por fora as Misses San Juan, Hong Kong, Pequim, Edimburgo, Minsk, Praga e até a loirinha de Tallin, que não é (ou não tem) nenhum cérebro, mas é uma pessoa feliz e uma mulher bonita.

Fotos de todas elas são encontradas no link: http://picasaweb.google.com/hffCWB/MissGlobalBeauty2008PreJudging#

Foto acima: da esq. para a dir. - a Bárbie da Moldova; Miss Kiyv, "mamma mia!"; legalmente loiras: Tallin e Sydney; a lituana anoréxica e Miss Tirana com reação alérgica.

Marcadores: , , ,

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home